Um rei com 5 bolas de ouro

Avaliação do Usuário

Estrela inativaEstrela inativaEstrela inativaEstrela inativaEstrela inativa
 

MESSI

Messi é o cara na história do futebol, eleito cinco vez o melhor jogador do mundo

A distância entre Lionel Messi e os demais, ao menos em termos de premiações individuais, voltou a aumentar. Nesta segunda-feira, o argentino confirmou seu favoritismo com 41,33% dos votos e recebeu, na festa de gala da Fifa, sua quinta Bola de Ouro na carreira. Mesmo sem ter vencido nenhum título no ano, Cristiano Ronaldo ficou com o vice, batendo Neymar por 27,76% a 7,86% na disputa decisiva.

A conquista deixa Messi ainda mais isolado como o grande vencedor do prêmio. Vencedor da Bola de Ouro entre 2009 e 2012, ele é o único do planeta a levar a honraria cinco vezes na carreira. Atrás dele, com duas conquistas a menos, estão Cristiano Ronaldo, Zidane e Ronaldo.

E ninguém poderá dizer que foi injusto. Com gols decisivos e grandes atuações, Messi foi o grande nome da temporada brilhante do Barcelona, que venceu no mesmo ano o Espanhol, a Copa do Rei e a Liga dos Campeões pela segunda vez em sua história – o argentino, não por acaso, também estava lá na primeira vez que isso aconteceu, em 2011.

“É especial estar aqui depois que a Bola de Ouro foi para o Cristiano Ronaldo nos dois últimos anos. É um prêmio que eu sonhava quando pequeno. Quero agradecer a quem votou em mim e aos meus companheiros. Sobretudo, quero agradecer ao futebol de modo geral. Boa noite a todos e muito obrigado”, disse o argentino, assim que recebeu o prêmio.

Assim, com seus 52 gols na temporada, o camisa 10 do Barcelona aumenta a vantagem para Cristiano Ronaldo, que poderia igualar a disputa, como maior vencedor do prêmio: o argentino tem cinco troféus (2009, 2010, 2011, 2012 e 2015) contra três do português (2008, 2013 e 2014). Último vencedor antes de a dupla dominar a disputa, Kaká foi o responsável por entregar a Bola de Ouro a Lionel Messi.

No feminino, a vitória foi da americana Carli Lloyd, campeã mundial com sua seleção e melhor jogadora da Copa disputada no Canadá. Ela venceu a japonesa Aya Miyama e a alemã Celia Sasic, que anunciou sua aposentadoria. Jill Ellis, da seleção feminina dos Estados Unidos, venceu entre as treinadoras.

Até 2009, a Bola de Ouro e o prêmio de melhor jogador do mundo eram independentes - o primeiro concedido pela revista France Football e o segundo pela Fifa. Só em 2010 ambas as organizações resolveram unir as forças e a entidade que organiza o futebol mundial passou a oferecer a Bola de Ouro Fifa para o melhor jogador do mundo no ano.

(Fontes: globo.com e uol.com.br)

Portal de eventos e noticias de Maraba e Região! Confira os melhores eventos da cidade, fotos, agenda, novidades, downloads e muito Mais!

Email:

contato@vcnoagito.com

Tel:

(94) 3323-0255

Nossas Redes